quarta-feira, 29 de junho de 2011

O milagre e os milagres

Jesus não convidou os doentes, aleijados, pobres e desprovidos de prosperidade material quando disse: “Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados de carregar as suas pesadas cargas” (Mateus 11.28) É só dar uma olhadinha no contexto bíblico para descobrir quem são os “cansados”. Jesus tinha curado pessoas de doenças físicas e, mesmo assim, continuavam espiritualmente enfermas (v.20). Então reclama e faz o convite para o maior milagre: arrependimento e perdão dos pecados.
 
Não encontro na pregação dos atuais milagreiros o convite para este descanso. Ao contrário, vejo mais cansaço. Inflacionam o peso da superstição em objetos “abençoados”, sobrecarregam de culpa, injetam medo da inveja e “olho grande”, acendem pavor do diabo e do mal, provocam fadiga nos dízimos e escravizam sob o jugo de regras religiosas. Tudo isto com a Bíblia em punho. Usam um versículo, jogam fora o restante do texto, e invertem o sentido divino com propósitos humanos.
 
Diz o evangelista Mateus que no Dia do Juízo Jesus terá mais pena de Sodoma do que Cafarnaum (11.24). Sodoma simboliza os pecados da imoralidade e depravação (1 Timóteo 1.10), e Cafarnaum é a cidade onde Jesus habitou e fez vários milagres. Foi neste lugar que desceram um paralítico pelo telhado (Lucas 5.17-26), e o Senhor lhe disse: “os seus pecados estão perdoados”. O povo queria mesmo uma cura física. Jesus então respondeu que é mais fácil fazer um paralítico andar do que perdoar pecados, e curou o homem. Disse isto por uma questão óbvia: o perdão custou o sofrimento dele na cruz, enquanto que milagres não custam nada para ele, são atos próprios do seu poder divino.   
 
Sem dúvida, o que falta hoje é arrependimento dos pecados, tanto para Sodoma como para Cafarnaum. Mas o convite do Salvador permanece. Para um descanso único e específico: “Venham a mim e eu lhes darei”. E “venham todos”. Porque todos são pecadores e precisam de Jesus.
Marcos Schmidt
pastor luterano   

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Igreja Luterana de São Vicente-SP e Baixada Santista: SBB no Jornal Nacional

Igreja Luterana de São Vicente-SP e Baixada Santista: SBB no Jornal Nacional: " Aconteceu em Barueri-SP, no dia 10/06, a celebração da marca de 100 milhões de Bíblias produzidas no Brasil. O evento contou com a..."